Domingo, 19 de Setembro de 2021
34°

Alguma nebulosidade

Campo Grande - MS

Polícia Prisão

Polícia Civil age rápido, prende suspeito de furtar comércio na madrugada e recupera objetos subtraídos

O suspeito é novo na cidade e estava trabalhando em uma empresa terceirizada

15/09/2021 às 14h37 Atualizada em 15/09/2021 às 15h42
Por: Kalyne Amorim Fonte: Polícia Civil - MS
Compartilhe:
Polícia Civil age rápido, prende suspeito de furtar comércio na madrugada e recupera objetos subtraídos

Ribas do Rio Pardo(MS) - Na manhã desta quarta-feira (15), policiais civis do Setor de Investigações Gerais) da Polícia Civil prendeu em flagrante um homem de 33 anos, suspeito de praticar o crime de furto qualificado pela destruição ou rompimento de obstáculo.

Por volta de 7h, os policiais civis receberam uma ligação telefônica onde a vítima relatou que trabalha como pedreiro e está realizando uma reforma em uma padaria, localizada na Avenida Aniceta Rodrigues de Souza, às margens da BR 262. A vítima teria deixado suas ferramentas de trabalho em um quarto dos fundos da padaria quando, hoje, ao chegar no trabalho, verificou que abriram a janela do quarto, bem como arrombaram a porta, que estava trancada. Foram subtraídas uma furadeira, uma lixadeira, uma máquina de cortar, um martelete elétrico e uma caixa de som.

Imediatamente após o conhecimento desses fatos, a Polícia Civil conseguiu chegar a uma construção em andamento, próxima ao local dos furtos, onde foram localizados todos os objetos furtados, escondidos debaixo de diversos amontoados de madeira.

Nas proximidades, o investigador que identificou o local também encontrou o suspeito, um homem de 33 anos, que prontamente assumiu a autoria do crime, mostrando todos os objetos relacionados a outros furtos.

O suspeito é novo na cidade e estava trabalhando em uma empresa terceirizada responsável pela prestação de serviços na construção da fábrica de celulose.

Diante dos fatos, ele recebeu voz de prisão por furto majorado pelo repouso noturno, qualificado pelo rompimento ou destruição de obstáculos, e foi encaminhado à Delegacia para as providências legais. Ele está à disposição da Justiça.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
Ele1 - Criar site de notícias