Segunda, 21 de Junho de 2021 07:01
0
Geral Prosseguir

Adiamento de nova classificação e medidas do Prosseguir é para reduzir impacto sobre comércio no Dia dos Namorados, diz secretário

Geraldo Resende diz que Assomasul e algumas prefeituras fizeram o pedido de adiamento por 48 horas da entrada em vigor das novas bandeiras.

11/06/2021 13h10
Por: Andressa Macedo Fonte: G1 MS
Secretário estadual de Saúde, Geraldo Resende — Foto: Reprodução/Redes Sociais
Secretário estadual de Saúde, Geraldo Resende — Foto: Reprodução/Redes Sociais

O secretário estadual de Saúde, Geraldo Resende, comentou nesta sexta-feira (11), que o adiamento por 48 horas da entrada em vigor da nova classificação de risco para a pandemia do programa Prosseguir e de medidas mais restritivas no enfrentamento a Covid foi uma decisão tomada para tentar conciliar ações de biossegurança contra a doença e também reduzir o impacto em importantes setores econômicos.

Entre esses setores estariam, conforme ele, o comércio, bares, restaurantes e floriculturas que se prepararam para o Dia dos Namorados, que é comemorado neste sábado (12 de junho), quando as medidas restritivas já estariam em vigor, caso a nova classificação estivesse sendo considerada.

Resende comentou que o pedido de adiamento que foi feito pela Associação dos Municípios de Mato Grosso do Sul (Assomasul) e algumas prefeituras, como as de Campo Grande, Naviraí e Fátima do Sul, era plausível e que haveria dificuldades dos municípios se prepararem para as implementar as medidas restritivas previstas na nova atualização do programa era plausível e decidiu atender o pedido.

Desse modo, estipulou que até sábado (12), estará em vigor a classificação de risco divulgada na quarta-feira (9). Dessa forma, 7 cidades estão classificadas na bandeira de cor amarela (risco tolerável), 29 na bandeira laranja (risco médio) e 43 na vermelha (risco alto), incluindo Campo Grande.

Essa classificação é o parâmetro para os municípios implementarem medidas restritivas até sábado. No domingo, entra em vigor então um novo mapa situacional do Prosseguir.

Vacinas

Sobre vacinas, o secretário comentou que com a negativa do Ministério da Saúde de destinar 1,8 milhão de doses da vacina Janssen, que o país ainda receberá, para imunizar toda a população do estado, que requereu o uso do fundo de reserva desses imunizantes, cerca de 5%, o que equivale a 126 mil doses.

Ele comentou que o estado está na expectativa de que esse pedido seja atendido e que o estado receba além de sua cota convencional na distribuição das vacinas, cerca de 38,4 mil doses, mais as doses do fundo de reserva e até mesmo uma quantidade extra, de cerca de 50 mil doses, que seriam enviadas pelo fabricante no lote de 3 milhões de doses.

Dados da pandemia

Casos novos: 2.252

Total de casos: 310.626

Mortes confirmadas nesta sexta: 46

Mortes durante toda a pandemia: 7.366

Pessoas hospitalizadas: 1.252

Recuperados: 282.224

Ele1 - Criar site de notícias