Segunda, 01 de Março de 2021 03:04
67 99879-8533
Dólar comercial R$ 5,61 1.659%
Euro R$ 6,77 +0.77%
Peso Argentino R$ 0,06 +1.57%
Bitcoin R$ 273.126,08 -1.477%
Bovespa 110.035,17 pontos -1.98%
Economia Normalizando!

Ações da Petrobras disparam 12% e Ibovespa vai atrás, bolsa fechou em alta de 2,27%

Dólar fecha em queda em dia de oscilações no mercado

23/02/2021 17h37
99
Por: Redação Fonte: Agência Brasil
Ações da Petrobras disparam 12% e Ibovespa vai atrás, bolsa fechou em alta de 2,27%

O Dólar fechou em leve queda hoje (23), após um dia de oscilações no mercado. 

A moeda norte-americana negociada no mercado à vista caiu 0,17% e fechou a R$ 5,4456 na venda. Ao longo do dia, a divisa variou entre R$ 5,485 (+0,55) e R$ 5,4089 (-0,85%).

De forma geral, o câmbio acompanhou a melhora no sinal de moedas emergentes no exterior, na esteira do alívio nas taxas de retorno dos títulos soberanos dos Estados Unidos, após declarações do presidente do Federal Reserve (banco central dos EUA), Jerome Powell.

A queda dos rendimentos dos títulos do Tesouro dos EUA reduz o diferencial de juros a favor do dólar, tirando atratividade da moeda norte-americana e aumentando o interesse por ativos mais arriscados, como moedas emergentes e ações.

O mercado cambial também permaneceu atento ao noticiário sobre o governo brasileiro e a tentativas de interferência em empresas estatais, bem como movimentações em torno da agenda de reformas e do auxílio emergencial na Câmara e no Senado.

Bolsa

O Ibovespa fechou em alta, apoiado principalmente na recuperação das ações da Petrobras e de bancos, enquanto a Eletrobras despontou entre os destaques positivos, em meio a expectativas atreladas à sua privatização.

Índice de referência do mercado acionário brasileiro, o Ibovespa subiu 2,27%, alcançando 115.225,38 pontos, de acordo com dados preliminares. O volume financeiro alcançou R$ 45 bilhões.

Depois de as ações da estatal mergulharem 21%, no embalo da indicação do general Joaquim Silva e Luna para o lugar do economista Roberto Castello Branco no comendo da companhia, apagaram um pedaço da evaporação de valor recente.

Papéis preferencias (PN, que dão preferência por dividendos) da estatal subiram 12,17%. Ordinários (ON, com direito a voto em assembleias) outros 8,96%. Esse desempenho ajudou o Ibovespa a não acompanhasse a vermelhidão lá fora, trazida por temores de inflação batendo às portas dos Estados Unidos. Com esse risco no radar global, foi mais um dia em que os rendimentos dos títulos americanos roubaram atratividade de ações vendidas nos principais mercados.

O volume financeiro das negociações de ações componentes da carteira teórica foi alto, mas não tanto quanto foi no pregão passado. Depois do recorde absoluto de mais de R$ 54,3 bilhões, ficou nos R$ 39,5 bilhões, 51% acima da média diária de R$ 26,1 bilhões de 2021. No caso das ações da Petrobras, o giro financeiro fez sombra ao da véspera. Contra os R$ R$ 13,7 bilhões anteriores, foram movimentados nesta sessão R$ 10 bilhões.

Ele1 - Criar site de notícias