Quinta, 21 de Janeiro de 2021 10:22
67 99879-8533
Entretenimento Cuidados

Verão piora o incômodo com as varizes

Calor aumenta a vasodilatação do sistema circulatório, piorando os sintomas da doença

14/01/2021 11h05 Atualizada há 7 dias
34
Por: Redação Fonte: Correio do Povo
Verão piora o incômodo com as varizes

Sol, calor, aumento da vasodilatação do sistema circulatório, edema e uma sensação de peso e cansaço nas pernas. Típicos do verão, esses fatores pioram o quadro de quem sofre com varizes, alerta a cirurgiã vascular Fernanda Frederico. Segundo ela, alguns fatores precisam ser levados em conta para amenizar os sintomas.

Mas afinal, porque as varizes pioram no verão? A médica explica que, a vasodilatação causada pelas altas temperaturas provoca o aumento do calibre dos vasos, e o retorno do sangue ao coração é dificultado. Consequentemente, os sintomas da insuficiência venosa se agravam, como o edema, sensação de peso e cansaço nas pernas. “Manter o peso ideal de acordo com a idade e altura, fortalecimento da musculatura da panturrilha e uso de meias elásticas auxiliam a melhorar estes sintomas”, orienta Fernanda.

Segundo a Sociedade Brasileira de Angiologia e de Cirurgia Vascular, as varizes são mais comuns de aparecer em mulheres. Um dos fatores apontados é o uso de sapatos específicos por este público.

Fernanda ressalta que o uso de salto alto não causa varizes, porém, o uso prolongado deste tipo de calçado dificulta o retorno do sangue ao coração pelas veias e pode agravar os sintomas de quem já possui varizes, como a sensação de peso e queimação nos pés e pernas. “Alternar saltos altos com médios, evitar também sapatilhas e rasteirinhas sem salto algum, fazer intervalos ao longo do dia após períodos prolongados sentados ou em pé, com pequenas caminhadas ou descanso com elevação das pernas, ajudam a amenizar o quadro”, explica a médica.  

Alguns estudos mostram que a incidência de varizes em mulheres é quatro vezes maior do que em homens devido fatores hormonais femininos. Elas também são mais comuns entre pessoas com mais de 40 anos, entretanto, a doença também pode atingir jovens na faixa dos 20 e 30. “As varizes são veias dilatadas e tortuosas que se desenvolvem mais frequentemente nos membros inferiores. O surgimento delas tem um fator hereditário importante e a doença pode ser agravada por certos hábitos de vida como, por exemplo, sedentarismo, sobrepeso, uso de anticoncepcionais hormonais ou reposição hormonal e alimentação rica sódio”, esclarece Fernanda. 

Varizes e verão: como lidar nesta época?

O verão traz algumas especificidades em relação à saúde de maneira geral. Com as varizes, não é diferente. Em relação à exposição solar, de acordo com Fernanda, ela não agrava o aspecto estético das varizes. “O sol agrava os sintomas devido à vasodilatação”, destaca a médica.

Outro ponto importante é o uso de filtro solar para os pacientes que estão em tratamento das varizes. “A exposição solar aumenta as chances de formar cicatrizes hipercrômicas”, alerta Fernanda. 

A cirurgiã explica que é possível tratar as varizes em qualquer época do ano, desde que o paciente faça um preparo adequado e mantenha um acompanhamento médico regular após o tratamento. “Há diversos tipos de tratamento disponíveis e a indicação é individualizada, será de acordo com o tamanho, profundidade e número de varizes apresentadas pelo paciente”, finaliza.

por Gisele Silveira

Gisele Silveira é mãe da Antônia e nutricionista funcional, com foco em emagrecimento e hipertrofia, infertilidade e envelhecimento saudável. Escreve semanalmente para o Bella+ com a missão de desvendar os segredos da alimentação saudável. @giselesilveiranutri

Moda & Beleza
Sobre Moda & Beleza
Moda, beleza e comportamento em um só lugar!
Ele1 - Criar site de notícias