Terça, 14 de Julho de 2020 03:27
67 99879-8533
Polícia Atrás das grades

Suspeito de assassinar a ex e novo namorado dela em MS é preso um dia depois a 267 km do local do crime

Crime ocorreu em Costa Rica nesta quinta e suspeito foi preso em área rural de Pedro Gomes, nesta sexta-feira.

29/05/2020 16h15
55
Por: Redação 2 Fonte: G1 MS
Local em que suspeito por duplo homicídio foi preso, em área rural de Pedro Gomes (MS). — Foto: Polícia Civil/Divulgação
Local em que suspeito por duplo homicídio foi preso, em área rural de Pedro Gomes (MS). — Foto: Polícia Civil/Divulgação

O homem de 32 anos, suspeito de matar a facadas a ex companheira e o atual namorado dela, foi preso no fim da manhã desta sexta-feira (29), na área rural de Pedro Gomes, na região norte de Mato Grosso do Sul, por policiais civis e militares.

A prisão do suspeito ocorreu um dia depois do crime, que ocorreu na madrugada de quinta-feira (29) e em um local a cerca de 267 quilômetros de onde ocorreu o duplo homicídio, o município de Costa Rica.

De acordo com a polícia, a ex do suspeito tinha 32 anos e foi morta a facadas junto com seu atual namorado, dentro de casa.

Segundo o delegado de Pedro Gomes, Murilo Jorge Vaz, após a prisão o suspeito foi encaminhado para um hospital da cidade para passar por exame de corpo de delito.

O delegado responsável pela investigação do duplo homicídio, Cleverson Alves dos Santos, está a caminho do município onde foi feita a prisão para registrar o flagrante.

A reportagem tentou contato com a defesa do suspeito, mas até a mais recente atualização do caso não conseguiu.

OS HOMICÍDIOS

A mulher e o namorado foram mortos a facadas dentro do quarto da casa dela, na madrugada desta quinta-feira, em Costa Rica. A polícia diz que a vítima foi morta com várias facadas no rosto, que ficou totalmente dilacerado. Já o homem recebeu golpes nas costas e no pescoço.

Dentro do quarto ainda estava uma criança de 3 anos de idade, que não foi ferida. Ela foi encontrada com o corpo cheio de sangue por uma tia. A polícia suspeita que a menina tenha abraçado o corpo da mãe, após o crime.

Conforme o delegado Fernando Dantas, que atua nas unidades da Polícia Civil em Alcinópolis e Coxim, a mulher foi vítima há cerca de dois meses de um sequestro e o autor, seria o ex. A mulher estava na casa da mãe e na saída do imóvel foi abordada pelo suspeito, que a jogou dentro de um carro. Depois ele a levou para Alcinópolis e , em seguida, Coxim.

Ele1 - Criar site de notícias