Quarta, 12 de Agosto de 2020 14:09
67 99879-8533
Esportes Tirou Honda

Nenê marca duas vezes e Fluminense goleia o Botafogo com facilidade

Experiente meia de 38 anos foi o melhor em campo e ajudou o Fluminense a vencer o Clássico Vovô por 3 a 0, neste domingo. Agora, o Tricolor vai encarar o Flamengo na semi.

10/02/2020 09h11
64
Por: Redação 2 Fonte: Lancenet
Foto: Mailson Santana/Fluminense FC
Foto: Mailson Santana/Fluminense FC

No Clássico Vovô, o experiente Nenê deu show, marcou duas vezes e ajudou o Fluminense a fazer 3 a 0 sobre o Botafogo, na tarde deste domingo, no Maracanã. Wellington Silva, que fez sua estreia nesta passagem pelo Flu e teve boa atuação, marcou o terceiro do Tricolor. Com o resultado, foi confirmado o Fla-Flu pela semifinal da Taça Guanabara, na próxima quarta-feira, no Maracanã.

COLOCOU NA RODA

Apesar do começo equilibrado e da primeira chance de gol ter sido do Botafogo, com uma boa cobrança de falta de Danilo Barcelos, que bateu na trave, foi o Fluminense quem dominou o primeiro tempo. E não demorou para abrir o placar. Logo aos nove minutos, após uma boa troca de passes entre Wellington Silva e Gilberto, o lateral-direito cruzou e Nenê finalizou de primeira, marcando um golaço.

Dez minutos depois, aos 19, o artilheiro Nenê apareceu de novo. E em mais uma boa jogada de Wellington Silva, que tinha muita facilidade para avançar pelo lado direito do ataque do Flu. O camisa 17 encontrou Nenê livre na entrada da área. O meia dominou e finalizou no canto de Gatito, marcando o seu quinto gol no Carioca.

VIROU PASSEIO

Com boas trocas de passes e contra um Botafogo inofensivo, que não conseguiu atacar nem marcar com eficiência, o Fluminense chegava com facilidade na área adversária. Assim, ampliou o placar aos 37. Egídio tabelou com Marcos Paulo e cruzou rasteiro. Wellington Silva apareceu na pequena área e só desviou para o gol, fazendo 3 a 0 para o Flu.

Ainda antes do intervalo, o Tricolor teve mais um gol, de Evanilson, mas o tento foi anulado por impedimento.

FICOU BARATO

O técnico Alberto Valentim tentou dar outro ânimo para o Botafogo após o intervalo e já voltou para o segundo tempo com duas alterações. Mas as mudanças não surtiram tanto efeito e o Fluminense continuou mandando no jogo. Com Marcos Paulo, Wellington Silva e Gilberto, o Tricolor perdeu chances de ampliar ainda mais o placar. Sem culpa nos gols sofridos, Gatito evitou que uma goleada histórica para o Fluminense, que saiu de campo motivado para encarar o Flamengo na quarta-feira.

FICHA TÉCNICA

FLUMINENSE 3 x 0 BOTAFOGO

Estádio: Maracanã, Rio de Janeiro (RJ)

Data: 09/2/2020, às 16h (De Brasília)

Árbitro: Wagner do Nascimento Magalhães (RJ)

Assistentes: Rodrigo Figueiredo Hnerique Corrêa (RJ) e Daniel do Espírito Santo Parro (RJ)

VAR: Rodrigo Carvalhaes de Miranda (RJ)

Público/Renda: 12.665 pagantes/14.096 presentes/R$ 498.545,00

Gramado: Bom.

Cartão amarelo: Igor Cássio (BOT)

Cartão vermelho: -

Gols: Nenê, 9'/1ºT (1-0), Nenê, 19'/1ºT (2-0), Wellington Silva, 35'/1ºT (3-0)

FLUMINENSE: Muriel; Gilberto, Luccas Claro, Digão e Egídio; Henrique, Yuri (Fernando Pacheco, 45'/2ºT) e Nenê (Ganso, 33'/2ºT); Wellington Silva (Caio Paulista, 23'/2ºT), Marcos Paulo e Evanílson. Técnico: Odair Hellmann.

BOTAFOGO: Gatito; Barrandeguy (Thiaguinho, Intervalo), Marcelo Benevenuto, Joel Carli e Danilo Barcelos; Cícero (Igor Cássio, Intervalo), Caio Alexandre (Alex Santana, 33'/2ºT) e Bruno Nazário; Warley, Luis Henrique e Pedro Raul. Técnico: Alberto Valentim.

Ele1 - Criar site de notícias